Páginas

quarta-feira, 28 de março de 2012

Bebê ou criança?

A cada dia que passa sinto mais saudades do meu bebê. Arthur já é uma criança, cade as bebezices??? Ainnn morro de saudades...

A gente reclama, reclama e reclama quando são bebês que dão muito trabalho, que a gente não tem tempo pra nada, não conseguimos nos arrumar direito e tudo mais. Mas quando crescem e a gente começa a se dar conta disso, queremos voltar no tempo ou ao menos parar o tempo (tem como, God?).

Até o maridão quando se dá conta às vezes fica se lamentando pelo bebê dele que cresceu e agora está tudo diferente. Vá entender os pais... quando são pequenos reclamamos de tudo, eles crescem continuamos reclamando de tudo e queremos voltar atras... Deve ser um ciclo isso, não? Os pais reclamando a vida inteira e querendo que o filho volte pro colinho.

olha isso, não é pra morrer de saudades mesmo? #gostosurapura!

E o que da mais trabalho? Bebê ou criança no auge dos seus 2 anos?

Um bebê:

Só chora, só quer peito e mais peito, só quer colo, colo e mais colo, quando começam a comer a gente não sai da cozinha aí o bebê chora mais um pouco porque você ja não tem muito tempo pra dar colo, e quando começa a engatinhar então?? Segura esse bebê!!! São gavetas esvaziadas o tempo todo, o chão você nem precisa limpar mais porque o bebê-aspirador já passou por ali. Não pode tirar os olhos 1 minuto sequer porque senão prende o dedo na gaveta, cai da cama, cai do sofá, pega o que não pode e por aí vai. Além de ficar no seu pé o tempo inteiro chorando e pedindo colo e você atolada de coisas pra fazer... E ainda tinha noites e noites nada dormidas ao longo desse tempo...Ui! Cansei só de lembrar!

Uma criança de 2 anos:

Fala NÃO pra você o tempo todo, você tem que ter muuuuuita criatividade pra encarar essas ferinhas, jogam coisas para todo canto, não te obedece, te enfrenta principalmente quando você está fora de casa, é um gravadorzinho ainda mais para aquelas palavrinhas ouvidas poucas vezes, briga pra comer, briga pra vestir, briga pra tomar banho, briga porque quer o que não pode, briga por tudo. (Olá terrible two! Você não é bem vindo aqui não, viu?)

Mas e os prós?

Ahhh... quem resiste a fofice de um bebê, com seu anguuuu pra la e pra cá o tempo todo? Você tem total controle sobre ele, leva pra onde quer na hora que quer e ele não vai reclamar, no máximo vai chorar o que um colinho e um peito resolve tudo. E as risadonas??? Ahh que tudo! Uma criança de 2 anos perde longe pra fofice de um bebê de poucos meses.

Já a criança... um bebê não chega aos pés das gracinhas que a criança faz, das palavrinhas erradas que ela diz, das dancinhas, das caretas, da curiosidade e vontade de aprender tudo, de como já gostam de interagir e brincar com outras crianças, de como já são independentes pra você se dar conta de "Meu Deus, cadê meu bebê?". Uma criança traz vida e alegria pra casa, tudo é festa, tudo é brincadeira!



Nada como poder acompanhar as fases dos filhos e sempre morrer de saudades!

8 comentários:

Sabrina Bulgarelli disse...

Ariane vc está nostalgica hoje hem amiga!
Deve ser triste ver os filhos crescerem..
Minha mãe e meu pai estão todos deprimidos lah em ksa por esse motivo..
Antes eramos 4! Eu, minha irmã, meu pai e minha mãe..
Eu casei ficaram 3..
Minha irmã foi estudar fora, ficaram só os dois de novo, igual no começo da vida deles!
Se a gente for pensar e triste mesmo neh..
A gente cria, ama, faz tudo pros filhos.. pra daqui 20 anos mais ou menos eles irem embora..
Credoo..
Até eu fiquei depre!!

Mamãe da Julia disse...

Ai amiga nem me fale, parece que a minha Julia nasceu ontem, e logo menos vai fazer um aninho.
Passa tão rápido !
Mas agente fica feliz de ver eles com muita saúde, grandes, espertos.

Futura mãmã disse...

Ih amiga hoje os sentimentos andam a flor rs :P isso e por vc ver nosso bebezicos caninos e lembrar do seu assim? rs
Olha so esse sorriso sapeca e lindo do seu menino.bj

Renata disse...

Ari cada fase tem seu encanto né =)
mas como dá saudades deles bebezinhos, acho que só tendo outro agora pra matar essa saudades haha

beijão

Ana Claudia disse...

Dá uma saudadona danada mesmo...mas acho que não tenho mais pique pra outro bebê...rsrsrs

cada fase uma delícia!!!

obs.: obrigada pelo´toque lá no blog, não sabia que estava acontecendo esse tipo de problema...

bjs

Ivna Pinna disse...

Amiga, será por isso que antigamente as mulheres tinham tantos filhos? Pra não sentir saudade de nenhuma fase? hahaha
Será que eu vou entrar pra esse time? Socorrooooo! hahahahah

Adorei o texto! E deu mais saudade do Enry bbezinho!

Beijão

Cristiane disse...

eu gosto quando está maiorzinho mesmo, a independencia me fascina, os papos, as brincadeiras. Mas acho lindo as fotinhas naquele tempo tão fofoinho... Cris

Fabiana disse...

Eu tb vejo fotos da Laura bebezinha e tenho saudades. E acho que ela hoje dá infinitamente mais trabalho do que quando era bebezinha.
Mas acredito tb que o melhor momento é o hoje. Não fico no passado nem esperando o futuro. Curto e aproveito cada fase. Acho que assim, a gente aproveita tudo de melhor.

Bjos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...