Páginas

quinta-feira, 2 de agosto de 2012

Vídeo Comemoração Semana Mundial Aleitamento Materno Ishtar Sorocaba

Mais uma iniciativa do Ishtar Sorocaba, um vídeo lindo e emocionante sobre aleitamento materno. Participei junto com as mulheres do grupo nesse vídeo e a fotógrafa Sam Golob, uma das mães do grupo arrasou nas fotos!



quarta-feira, 27 de junho de 2012

E a sortuda é...

Finalmente fizemos ontem o sorteio. Fiz como havia dito mesmo..  colquei papéizinhos e Arthu sorteou. Não consegui baixar no you tube ainda então vai la o resultado logo porque hoje o dia promete e acabo não revelando a sortuda novamente....


É uma mamãe



Tem um filhinho lindo



Não é blogueira mas esta aqui no meu cantinho sempre



Ela acabou adquirindo uma loção mesmo antes do sorteio ser realizado



ROBERTA ORSINI!!!!


Parabéns Ro!!!! Espero que tenha gostado da loção pois acabou ganhando outra! Até haviamos falado isso no outro dia né?! rsrs

Daqui uns dias entrego seu prêmio!

Beijão



terça-feira, 26 de junho de 2012

Sobre o sorteio...

Meninas... não esqueci do sorteio não viu! No domingo à noite, quando ia fazer o sorteio, caí na cama de gripe. Fiz um super chá de alho com limão e gengibre e ontem ja estava zero!

Ontem foi uma correria danada e acabei não fazendo novamente. Prometo fazer hoje! Vou levar o Tutu na escolinha e depois juro que faço o sorteio.

Vou fazer caseirinho, colocar papéis em algum recipiente e o Arthur vai sortear. Vou filmar e postar aqui pra vocês!

De dedinhos cruzados aí!!! Boa sorte!

Beijos

segunda-feira, 18 de junho de 2012

Mais sobre a escola

A adaptação do Arthur foi ótima! Ele se comportou como um mocinho! No segundo dia deu uma choradinha mas depois ja se acalmou, saí de la ele ja estava brincando. No terceiro dia ficou bem, sem chorar aí ficou por 3 horas. No quarto dia ja ficou o período normal (das 13 às 18hs) muito bem, está comendo bem, brincando bem, tudo muito bem! Acabei de pegá-lo na escola e pela primeira vez ele dormiu, devia estar muito cansadinho porque nem de eu pegar ele pra trazer pra casa ele acordou, ta la agora dormindo bem gostoso :-)

Hoje ainda ele voltou com uma garrafinha pet pequena cheia de água e dentro muito gliter, estrelinhas e 2 peixinhos de EVA. Achei lindo! Um pequeno aquário para ele brincar! Alem de usar material reciclado é um brinquedinho lindo e diferente pra eles! Ótima dica aí pra vocês fazerem também! Queria eu ter feito essa atividade com ele... bem, mas se eu não tenho mais tempo ainda bem que ele ainda faz, não é mesmo?

Gente, corram lá que o sorteio ta valendo ainda!!! É só clicar aqui e seguir as regrinhas lá! Ainda da tempo!!! Vocês não estão curtindo minha página no face nem divulgando lá ein... Vamos ver quem vai ser a ganhadora.

Beijos

terça-feira, 12 de junho de 2012

Segundo primeiro dia na escola

Pois é... pela segunda vez Tutu teve o primeiro dia na escola. A primeira vez de verdade foi quando ele tinha 1 aninho e eu estava quase pirando aqui.. águas passadas.

Agora a necessidade foi outra. Ou eu continuava trabalhando como consultora ou eu parava tudo e ficava só em casa como fiz por mais de 2 anos. Ele cresceu, eu conheci um bom negocio pra mim e vamos todos ficar mais felizes com toda essa mudança.

E hoje foi ele, levei por pouco tempo para fazer uma readaptação. Foi somente por duas horas. Na primeira vez, há mais de 1 ano atrás, o levei, cheguei em casa com uma sensação estranha, cheguei a me perguntar: e agora? Hoje não. Levei com a certeza que ele ia ficar muito bem e eu também. Pra mim essas duas horinhas voaram e nem consegui fazer tudo o que eu queria, pra ele pelo jeito também. Cheguei la ele estava super feliz veio embora comigo querendo mais. As tias disseram que ele ficou muito bem, que me chamou mas não chorou nem nada, tudo normal. Brincou muito, comeu pouco, o esperado de sempre. Chegou em casa, devorou 3 bananas e acabou de jantra uma bela pratada de arroz e feijão fresquinho.

Quando ele estiver de uniforme bem bonitinho tiro uma foto, hoje foi uma correria só e nem lembrei de tirar uma foto do seu segundo primeiro dia na escola.

É isso, estamos todos muito felizes por aqui :-)

E o sorteio? Ninguem esta querendo ganhar não? Vamos participar la, ainda da tempo!

Entrem no post aqui deixem o comentário, sigam, curtam minha página no face e compartilhem por la!

Beijos


sábado, 2 de junho de 2012

1° SORTEIO DO BLOG

Finalmente vou fazer um sorteio por aqui, assim como havia prometido.

Estou tão feliz com minhas vendas na Mary Kay que vim dividir minha alegria com vocês, fazendo este sorteio.

Meninas, de verdade, me surpreendi e me surpreendo a cada dia com tudo. Com a satisfação dos clientes com os produtos, com o retorno financeiro que me dá, com a flexibilidade de poder ganhar algum dinheiro fazendo algo gostoso, prazeroso, sem ter que bater cartão e acreditem, as vezes sem nem sair de casa! Demais, não?

Se alguem quiser se encantar com tudo assim como eu, pode entrar em contato comigo que ajudo em tudo o que precisar, ok?

Então vamos ao que interessa.

O prêmio será uma Loção Energizante para pernas e pés Mint Bliss.



Descrição do produto:

Dê um tratamento especial em seus pés e pernas. Deixe-os macios com a Loção Energizante para Pés e Pernas Mint Bliss™ - uma fórmula refrescante à base de menta que ajuda aliviar o cansaço de pés e pernas. Seus ingredientes especiais deixam uma deliciosa sensação refrescante. Perfeito para aqueles dias de longas caminhadas.  

Gente, alivio IMEDIATO!!! Ahhh se eu conhecesse esse produtinho milagroso quando trabalhava horas em pé de barrigão ainda. Eu sentia muitas dores nas pernas... Esse produto é só passar, massagear por poucos minutos e pronto. Alivia na hora!!! Hidrata e ainda deixa a sensação de refrescância nas pernas e pés.           

Quem quer?

Para participar, basta seguir o blog e deixar um comentário com nome completo e email dizendo que quer participar do sorteio. Não tem blog? Sem problemas... Segue aqui do mesmo jeito e divulga la no facebook. E todos curtindo minha página la no face: http://www.facebook.com/?ref=logo#!/MaryKayArianeGomes

O resultado do sorteio será no dia 25/06

Boa sorte a todos!!!

Beijocas

quinta-feira, 31 de maio de 2012

De volta à escola

Decidi por fim colocar Arthur na escola novamente. Não era o que eu queria, porem estou fazendo isso de consciência tranquila. Fui na mesma escolinha que ele já frequentava antes, ele foi super bem recebido e se sentiu muito  à vontade novamente. Vamos fazer uma nova adaptação mas tenho certeza que ele vai ficar muito bem longe da mamãe.

Tomei essa decisão porque eu estava ficando um caco por levar ele pra todo lugar, me cansava fisicamente e psicologicamente. Estamos bem, tranquilos e agora tenho certeza que vai ser bom para todos nós. Eu vou fazer meu trabalho mais focada e não com os olhos correndo pra la e pra ca, não vou pegar tanto no pé do marido e acredito que o Arthur vai ficar mais feliz também por brincar todos os dias com os amiguinhos dele.

Gostei do método deles, trabalham com projetos e toda semana tem um projeto novo. Achei bem bacana!

Tenho me sentido meio presa, não sei se vocês ja tiveram essa sensação. Nunca consigo fazer nada por estar o tempo todo com o filho. Não vou à manicure porque não da pra levar ele. Marquei e desmarquei sobrancelha acho que umas 3 ou 4 vezes por não conseguir um horário que eu não esteja com ele. Tenho perdido alguns eventos da Mary Kay por não ter com quem deixar ele. E tudo isso me dá a sensação de prisão mesmo, estou precisando de um pouquinho de liberdade, de conseguir fazer o que quiser na hora que quiser. Meu marido ajuda bastante mas ultimamente tem trabalhado muito e nunca tem tempo para poder ficar com ele para eu fazer alguma coisa, coitado!

Agora ele está com quase 2a4m e esta bem mais fortinho que com 1 aninho. Ele vai ficar bem, vai brincar, vai aprender e vai ser bom pra todo mundo. Chega de querer fazer tudo e ficar me sentindo cansada e sobrecarregada o tempo todo.

Quando ele começar venho contar aqui como será o retorno dele na escola.

Beijos

segunda-feira, 28 de maio de 2012

Amor, estranho amor

Posso estar naqueles dias de loucura total que ele percebe e faz muitas graças para me alegrar.

Se grito com ele, ele chora e vem me pedir "pulpa" e eu me derreto toda.

Brigo com ele, deixo de castigo e ele vem me pedir colo ainda, pois só meu colo o acalma.

Se o pai briga, ainda é meu colo que o acalma.

Não pode me perder de vista, tenho que estar sempre sob seu olhar.

Se ele se bate, machuca ou é só manha mesmo, apenas um beijinho meu cura tudo.

Ou até se esta doentinho, um colinho meu, ficar bem grudadinho comigo já o deixa melhor.

Quando ele me vê triste, ele fica triste também e me enche de beijinhos.

E quando ele me vê feliz, é só festa!

Ele nem sabe o porque mas me ama de verdade, e esse amor é totalmente recíproco.

Um amor intenso, puro e verdadeiro que nunca imaginei que ia sentir na vida. Um amor inexplicável, um amor que não cabe dentro de mim.

Amor... lindo amor!

Ótima semana a todos!

sexta-feira, 25 de maio de 2012

Relax

Quem é vivo sempre aparece, né? Pois então, passando aqui pra dizer que as coisas andam muito bem, graças a Deus! As sapequices do Arthur diminuíram MUITO!!! E estamos todos mais felizes e mamãe menos estressada! rsrs

Acredito que tudo estava em mim. Eu não estava com paciência, eu não estava dando a devida atenção, Arthur ficava entediado e só restava ficar no meu pé me deixando mais irritada ainda. Eu consequentemente andava gritando com ele, ameaçando... coisas que ele foi aprendendo a fazer comigo. Agora tudo esta melhor! Ninguem grita mais (salvo umas broncas da mãe de vez em quando), ninguem ameaça mais. Maravilha!

Relaxei em muitas coisas. Parei de me irritar com pequenas coisas, foi o que mais ajudou, liberei bem mais a tv (controlando o que ele assiste, obvio), liberei até mesmo video game. Coisas que eu queria que acontecessem la por 5 anos de idade. Ledo engano! Liberei também ele brincar com as crianças na rua. E sabem, esta tudo muito melhor depois disso. Percebi que Arthur desenvolveu muito, aprendeu muito e esta muito mais feliz. O que é o mais importante de tudo!

Tem dias que continuo chegando em casa hiper cansada e com vontade de não fazer mais nada pois sair com ele em alguns lugares esta sendo um desafio mas nada que nenhuma mãe não consiga. Vou continuar levando, sei que com a ajuda do meu maridão vamos conseguir o nosso objetivo de colocá-lo na escolinha com 3 anos.

Enquanto isso mamães, quando a coisa apertar... Relax! No Stress!! hehe



Beijos

sexta-feira, 18 de maio de 2012

E a vida segue...

Não paro de falar do meu novo trabalho aqui, né? É que né, gente... fiquei mais de 2 anos sem trabalhar e to sentindo aquela satisfaçãozinha, sabem? Aquela que você tem quando colabora com o din din que entra na casa, aquela que quando te perguntam você não responde cabisbaixa que é dona de casa... enfim... Tive momentos que achei que nunca mais ia querer fazer nada da minha vida a não ser ficar em casa e cuidar dos filhos. E não é que o bichinho cresce e você se dá conta que é hora de fazer alguma coisa da vida, a vida segue!

Pois então, estou fazendo, me virando do avesso pra dar conta das coisas e to levando. To conseguindo ainda que sem ajuda. Mas olha, confesso que não ta fácil não, colega! A casa anda bem mais ou menos (coisa que me deixa super incomodada), vou pra quase  todo lugar com Arthur e gente, essa tarefa é a que esta sendo a mais difícil! Saio com uma bolsa enorme, Arthur segurando em uma mão e uma caixa enorme na outra mão. Quando chego em algum lugar, por exemplo um salão de beleza, vocês mães ja imaginam seus filhos em um salão cheio de coisas muito atrativas para eles tipo secadores, tesouras, pentes, esmaltes e tudo mais. Pois bem, vocês acham que consigo ter uma conversa normal com alguem? Até consigo mas olha, tem sido O teste de paciência. Arthur tem colaborado, ele até que tem se comportado mas é claro que não da pra exigir um comportamento 100% dele, pois ele ainda tem 2 anos e não tem maturidade para saber como tem que se comportar.

Neste momento tenho vontade de sair sozinha, de não ter que levar Arthur para todo lugar. Estou tentando resistir ao máximo a escola, se for quero tentar uma creche e sabemos que no meio do ano é difícil conseguir vaga. Com a sogra não rola porque ela ja cuida do outro netinho e por ele ser bem mais novo (esta com 9 meses) Arthur acaba atrapalhando pois pra cuidar de dois em fases tão diferentes tem que ter rebolar, né?

Sei que daqui a pouco vou dar um jeito em tudo isso e vou sentir muita falta dele do meu lado sempre. Essa é a vida!

Beijos e ótimo fim de semana!

segunda-feira, 14 de maio de 2012

Um dia só meu

Aiii um dia tão bom, só meu - só que não! De manhã me deu uma tristezinha de saudade, mas tudo bem, fiquei na minha. Eu tinha falado pro maridão que não queria nada de presente mas juro que achei que ele ia me surpreender com alguma coisa (sonho!!!). Queria me levar pra tomar café da manhã em algum lugar que eu escolhesse, não quis. Chata? Sim, sou muito. E ainda estava com a maior preguiça de sair de casa aquela hora. Fomos almoçar com a mãe dele. Foi bom, almoço delicioso. As mães lavaram a louça, como sempre. Voltamos embora dormimos a tarde uma gostosa soneca e só. Ficamos por aqui, a pia estava com louça pra lavar de um dia antes ainda, deixei pra ver se alguem (leia-se marido) se tocava em fazer algo pra mim sem que eu pedisse. Ah ta.. a louça esta la até agora...

Só pra constar, ano que vem vou querer aquele sapato de grife ou aquela roupa bem cara que estou namorando há tempos!

sexta-feira, 11 de maio de 2012

Um novo dia das mães

Sabem, eu estava me preparando psicologicamente para escrever um post super down sobre o dia das mães e a falta que eu sinto da minha. Mas olha, as coisas estão caminhando tão bem por aqui que é impossível isso. Sinto muita falta dela sim, morro de saudades todos os dias, penso nela sempre, sonho com ela sempre e nada nem ninguém no mundo vai substituir sua presença (em carne e osso) aqui. Digo em carne e osso porque acredito sim que ela esteja sempre do nosso lado, cuidando de nós, olhando por nós. Não quero entrar em questões religiosas mas acredito sim, e isso foi uma das coisas que me ajudou muito!

Eu acredito que ela esteja me vendo e deve estar toda orgulhosa de mim. Sim, porque mãe se orgulha do filho sempre, ele merecendo ou não. E uma das coisas que sempre a incomodou foi o fato de eu ter deixado de trabalhar para me dedicar ao meu filho. E agora sei que ela esta muito satisfeita. E eu também.

Trabalho, cuido do meu filho, cuido da minha casa e ainda estou sempre bem arrumada e cheirosa. Coisas que antes não existiam aqui. Estou in love com tudo isso! Me apaixonei pelos produtos, pela empresa, pela oportunidade... enfim me dedico com prazer. Pois trabalho me divertindo. Gente, quer coisa melhor que ajudar nas despesas se divertindo? E ainda sem deixar meu filho de lado? Estou muito feliz! Precisei fazer faculdade, especialização e pós graduação para hoje descobrir o que quero fazer. Eu ja tinha deixado a culpa pelo grande investimento em minha profissão, pois não gostava mesmo e o que eu jamais quis foi trabalhar pra sempre em uma coisa que não gosto.

Vou passar um dia das mães feliz, cheia de saudades mas feliz. Minha maneira de desejar feliz dia das mães a minha linda mãe será em orações.



Olha ela aí... não era linda? Gosto de lembrar dela com esse sorriso no rosto, com a felicidade e alegria de sempre!


E aí segue novamente o link do vídeo em comemoração ao dia das mães que participei junto com outras mães lindas do grupo Ishtar de Sorocaba. Não me canso de ver... lindo, lindo, lindo!!!

Feliz dia das mães a todas vocês!

Beijos no coração

segunda-feira, 7 de maio de 2012

Se você pudesse voltar no tempo antes de ter o seu primeiro filho,o que diria a si mesma?

O Ishtar Sorocaba fez um lindo vídeo com as mães que participaram ou participam do grupo para comemorar o dia das mães. As fotos lindas foram feitas pela Fabi.

Clique aqui para acessar o vídeo.

E vocês, o que diriam a si mesmas

Grande beijo e feliz dia das mães!

quarta-feira, 2 de maio de 2012

Passadinha

Olás!! Passando rapidinho pra dizer que o blog está firme ainda, ando sem tempo de postar. Meu negócio esta indo muito bem, graças a Deus! Me surpreendi muito com a Mary Kay. Se alguma de vocês tiverem interesse, podem falar comigo.

Bem, sobre o Tutu, ele está lindão. Mais comportado, mais sapeca também, mais comilão, tudo mais! Não sei se mencionei que ele ja deixou o copo de canudo... pois bem, agora como um mocinho que é ele toma o leite também no copo normal. Um lindo! As tentativas de outro baby estão sendo adiadas por enquanto, não estou me prevenindo mas estamos evitando. Quero ter certeza que é a hora certa e neste momento não tenho, mas como não estou tomando remédio pode ser que aconteça né? Melhor assim que não fico pensando muito nisso.

Como muitos cuspes caem na testa da gente, estou cogitando procurar uma escola pro Arthur. Ele tem saído comigo mas não estou achando muito legal, eu preciso que ele se comporte e se continuar assim ele vai virar um mini adultinho, o que eu não quero. Mas vou levar assim mais um tempo, vamos ver.

Ainda estou querendo trazer uma coisa boa pra vocês mas preciso pensar direitinho e não estou tendo muito tempo. Mas não abondonem meu cantinho não, ta?

Ando lendo os posts de vocês mas pela falta de tempo não tenho comentado, então me perdoem, por favor!

Quando tiver mais tempo venho contar as novidades pra vocês.

Beijos

sexta-feira, 27 de abril de 2012

Receitinha de hoje

Hoje amanheceu chuvoso aqui na cidade e já estou pensando no que fazer de almoço (a gorda, né? rs). Como hoje é sexta e é dia de uma geralzinha em casa pra chegar o fim de semana com tudo em ordem então pensei em algo muito gostoso, fácil e rápido.

Sei que todas devem saber fazer essa receita mas vale dar uma lembrada porque eu mesma me esqueço de comidinhas tão saborosas e simples assim.

Polenta com molho de carne moída

Eu particularmente gosto da polenta mais molinha e com bastante molho. Então eu faço assim:

8 colheres de fubá
2 dentes de alho espremidos ou amassados
óleo
sal a gosto

300gr de carne moída
1/2 cebola picada
5 dentes de alho espremidos ou amassados
1 molho de tomate (ja foi a época que eu usava tomates para fazer molho hehe)
cheiro verde
sal a gosto
óleo

(Essa quantidade eu faço só pra mim e Arthur, sobra pouco então para mais pessoas é só aumentar a receita.)

Deixe o fubá reservado de molho com bastante água em uma vasilha.
Prepare o molho:

Coloque um pouco de óleo na panela e deixe esquentar, frite primeiro a cebola, quando dourar adicione o alho e em seguida a carne. Tampe a panela deixando fritar a carne. Depois adicione o molho de tomate, coloque sal e deixe ferver o molho um pouco. No final coloque o cheiro verde.

Em outra panela frite o alho em um pouquinho de óleo e adicione o fubá que estava de molho. Coloque mais água e vá mexendo. (a água suficiente para a consistência que você goste, como eu gosto mais molinha coloco mais água) Sempre mexendo para não empelotar. Adicione sal a gosto e pronto.

Coloque a polenta em um refratário e por cima coloque o molho.

Quando faço a polentinha aqui eu dispenso o arroz. Gosto de fazer um feijão fresquinho pra acompanhar.

Receitinha deliciosa que fica pronta em menos de meia hora!

Arthur e eu nos deliciamos!!! hummm Adoro!!!

Beijo

terça-feira, 24 de abril de 2012

Selinhos

Ganhei da amiga real e virtual Ana esses selinhos bem fofos:





Esses selinhos devo presentear 7 blogs, então la vai:

Dias de mamis...
Mommy's House
Pitico de Gente
Cantinho da Kamila
Pra você com amor
Mãe RN

Amiga, me desculpe pela demora em postar aqui, ta?

Ganhei mais esse selinho fofo da querida Lívia


As regrinhas deste são:

Dizer uma qualidade minha: Sou muito calma e de bem com a vida.
Um defeito: Só 1?? rs Acho que a teimosia também (coisas em comum, ein Li!)
Indicar 15 blogs queridos:
A mamãe chegou
A nova razão da minha existência
Lili mãe do Luanzinho
Mamma Mia!
Mamãe do Diego
Mãe da Lavínia
O Dono do Meu Mundo Azul
O Nascimento de Uma Mãe
Pitico de Gente
Pérolas de Alanis
Sou Mãe Pra Valer...
Dia-a-dia com Pietro
Coisas de Mãe
Eu e as crianças...
A mãe dos Gêmeos

Obrigada meninas! Sempre bom saber que meu cantinho é lembrado com carinho assim!

Beijos



















segunda-feira, 23 de abril de 2012

Novidades e receitinha

Que bom que vocês gostaram da minha receitinha! Sabem que eu não sabia cozinhar quase nada? Só sabia o basicão de arroz e feijão, na verdade eu não gostava de cozinhar, tinha a maior preguiça. E hoje faço coisas com tanta prática que às vezes me pergunto porque é que eu não cozinhava antes. Por isso que falam que a mulher se divide em vida antes de filhos e vida pós filhos. É tão bom a gente conseguir melhorar sempre, né?

Por falar em vida pós filhos, Arthur melhorou consideravelmente! Ele está mais bonzinho (salvo alguns momentos que insistem em existir), mais feliz também, brincando mais, tudo bem melhor! Realmente eu era o problema. Acredito que ser mãe é aceitação sempre. Aceitar que você está errada, aceitar que reclamar somente não ajuda, atitude sim. Então acho que devemos às vezes rever nossas atitudes e podemos mudar para melhorar. Para o nosso bem e o bem de nosso filho! Agora mamãe aqui está mais feliz também, menos cansada, menos estressada...

Como pensei em mudanças, resolvi mudar mais alguma coisa também. Agora sou uma nova consultora Mary Kay. No ano passado já quis fazer isso mas o medo falou mais alto, agora resolvi deixar o medo de lado e seguir em frente, afinal ter uma renda extra e ainda poder me dedicar ao filhote é tudo de bom, né?

Como estou toda animada e empolgada já estou bolando uma coisinha boa pra vocês! Aguardem, coisas boas virão!!!

Bom, voltando às receitas, vou partilhar com vocês uma receitinha nova que fiz ontem e maridão aprovou! Para os amantes de carne segue a receitinha:

Mignon ao forno

1 peça de mignon inteira (a minha aqui devia ter mais ou menos 1kg)
6 dentes de alho amassados
mostarda
molho inglês
sal e pimenta do reino a gosto

Passe sal e pimenta do reino na peça, passe o alho amassado, coloque bastante mostarda, o quanto baste, deixei a peça bem amarela mesmo (adoro mostarda), coloque na assadeira forrada com papel alumínio e coloque bastante molho inglês (eu coloquei 1/4 do vidro de 100ml), cubra com papel alumínio e asse no forno ja aquecido por cerca de 1 hora no fogo baixo. Retire o papel e deixe dourar por mais uns 20 min.

Para acompanhar fiz batatas souté e arroz branco.

Uma delícia!

Parece que fiquei horas na cozinha mas a carne é muito simples de fazer e as batatas só tem o nome chique porque também são facílimas!

Novamente não tirei uma foto, me desculpem mas é que não deu tempo mesmo, devoramos antes mesmo de eu pensar em tirar uma foto! hehe

Ah, respondendo a pergunta da Paty, sempre compro brócolis ja cozidos, compro de sacos grandes e vou usando aos poucos. Mas dá pra congelar também, vc corta os cabinhos do brócolis, da uma pré cozida neles, coloca em saquinhos para refrigeração e guarda, dura muito tempo, tipo mais de mês!

Espero que gostem!

Beijos

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Receitinhas

Seguindo a dica do maridão, vou começar a postar aqui ao menos 1 vez na semana algumas receitinhas práticas e gostosinhas pra dividir com vocês. Eu que curto uma comidinha mais saudável, sem muito sal, sem muito açúcar e adoro temperinhos naturais! Porque parece que a gente tem um branco de vez em quando, né? A gente fica sem criatividade pra cozinhar coisas boas todos os dias, não é?

Bem, vai aí uma receitinha saborosa, saudável e bem prática:

Arroz com brócolis

Faço o arroz branco, como sempre.
Enquanto o arroz está no fogo, cozinho o brócolis (sempre tenho brócolis congelado em casa, então ele cozinha muito rápido) com um pouquinho de sal e um fio de óleo (só uso óleo de girassol)
Normalmente eu pico o brócolis cozindo em pedaços mais pequenininhos para ficar mais gostoso.
Depois do arroz pronto, misturo os dois.
Faço ovo mexidinho com um pouco de alho e às vezes coloco cheiro verde junto.
Misturo o ovo com o arroz e o brócolis.

E pronto!

De vez em quando coloco queijo (ralado de saquinho ou mesmo mussarela ja no meio do ovo), fica uma delícia!
O maridão gosta que eu coloque pedacinhos de bacon, fica mais saboroso ainda!

Pena q não tenho uma fotinho pra mostrar aqui, mas nas próximas receitas vai ter! ;-)

Beijos e bom fim de semana! 

quarta-feira, 18 de abril de 2012

Mudar é preciso!

De uns dias (ou semanas) pra cá tenho percebido os lindos "terrible two" dando as caras. O mau comportamento do Arthur, suas teimosias, suas manhas sem fim têm me deixado esgotada fisicamente e psicologicamente.

Ele me enfrenta, fala mais alto comigo, levanta a mão pra mim como se ameaçasse me bater, peço algo pra ele ele diz um não e sai de perto me ignorando total. Esses dias em um dos nossos encontros de mães (ainda vou escrever sobre isso aqui) ele bateu em um amiguinho. Fiquei boquiaberta porque ele é tranquilão, da paz, nunca foi agressivo!

Ontem mesmo inventei de organizar meu guarda-roupa e pra ele foi festa. Tudo o que eu tirava para arrumar ele jogava, bagunçava. Pedia pra ele com a maior paciência do mundo para não fazer e ele fingia que não me ouvia e continuava fazendo. Respirei fundo umas 50 vezes para não brigar com ele.

Mas sabem o que é isto? Puro reflexo meu. Tenho brigado demais com ele, não tenho feito nossas atividades como costumava fazer, vivo cansada e o tempinho que tenho entre um serviço e outro de casa fico grudada no computador. Que criança não ia se entediar e começar a fazer bagunça? Pensei, pensei e cheguei à conclusão que Arthur precisa brincar. Só isso. Seja em casa, na rua, em parque, criança precisa brincar. Brincar pra desenvolver, brincar pra aprender, brincar até mesmo pra cansar. Ele fica num tédio só aqui. Não deixo assistir tv enquanto eu estou trabalhando, minha casa não tem um quintal legal pra ele brincar, então só resta a ele ficar atrás de mim aprontando.

Vou mudar, e já! Só vou boiar na internet quando ele estiver dormindo, vou manter a casa mais organizada e limpa pra não tomar muito meu tempo, assim posso fazer 1 atividade por dia com ele, assim como eu fazia antes. Já havia combinado com o marido que eu ficaria com o carro 2 vezes na semana pra poder levar ele pra passear no parque ou na praça. E vou engolir mais minha chatice e deixar ele brincar um pouco mais na rua com as crianças vizinhas.

Já estou com algumas idéias e tenho certeza que terei um bom resultado. Mãe e filho muito mais calmos e felizes!

segunda-feira, 16 de abril de 2012

Ele não pára!

Arthur tem uma energia incrível! Não pára mesmo, nem por 1 minuto. Brinca, corre, pula e quando você pensa que ele cansou ele brinca, corre  e pula mais um pouco. E eu acho isso tão normal, ele é do jeitinho que eu sempre imaginei: um menino cheio de vida, cheio de vontade, com muita energia pra fazer da sua infância uma fase pra deixar muitas marcas e saudades. Claro que de vez em quando eu fico procurando o botãozinho de liga/desliga nele mas quando ele chegou não veio manual junto e aí não sei o que fazer. Porque cansa, minha gente, como cansa!

Semana passada inventei de ir ao shopping com ele sozinha. Como finalmente acabou meu objetivo de ficar 1 ano sem comprar roupas e acessórios, achei que merecia alguma coisinha nova. Enquanto eu olhava as roupas com muita calma e pensava muito bem se realmente aquilo eu ia usar de várias maneiras ou não, Arthur sumia, ele se escondia de mim entre as araras de roupas, entre as roupas, saía da loja correndo. Depois de eu chamar a atenção várias vezes dele (com todas as mulheres olhando feio pra mim), eu consegui que ele ao menos ficasse perto de mim, mexendo nas roupas, deitando no chão, pegando cabides, mas ao menos ele estava aos meus olhos. Escolhi algumas peças e fui experimentar. Porque inventam esses provadores com um baita espaço entre a porta e o chão? Eu pelada provando as roupas e Arthur resolve sair por baixo da porta. Não sabia se eu saía pelada mesmo ou se botava roupa pra sair. Achei melhor me vestir. Corri atrás, peguei e volta a provar outras peças e a cena se repete umas 3 vezes. Consegui escolher ao menos 1 peça e vamos passear no shopping sempre olhando preços e utilidade (porque agora não compro mais nada que eu não tenha certeza de que vai ser muito útil pra mim, chega de gastar dinheiro em roupas para ficar guardadas). Arthur corre pra lá, corre pra cá, entra nas lojas e eu parecendo uma barata tonta atrás dele.

Por fim consegui fazer minhas comprinhas e ele gastou muito bem suas energias. Ele me pediu 1 vez pra ir nos brinquedos, falei que depois o levava, mas não. Pediu 1 vez pra ir em uma atividade da mônica que está tendo (que pra mim é um absurdo pagar R$15,00 para 20 min de atividades), conversei falei que não, ponto. Aí indo embora ele quis ir na escada rolante. Levei ele, subiu e desceu e pronto. Satisfeito! Fomos embora eu morta de canseira, ele dormiu e depois que acordou estava pronto pra outra! rs

Ontem batizamos nosso afilhado, Anthony e até que Arthur se comportou. Não quis ficar com o tio e os avós, quis ficar com a gente no banco reservado para os pais e padrinhos, mas foi tranquilo, ele ficou quietinho na igreja!

Precisamos iniciar ele o quanto antes nos esportes! rs




sexta-feira, 13 de abril de 2012

Medos

Arthur desde que nasceu é assustado. Quando era novinho os barulhos, qualquer barulho um pouco mais alto que o normal o fazia acordar, ou mesmo se assustar e chorar. Então por isso aqui em casa sempre foi um silêncio absoluto. O que não me ajuda é onde eu moro, não sei porque mas vem barulho de todos os lados, de vários vizinhos, de carros, de motos, de tudo! E olha que moro numa rua sem saída ein!

Ele foi crescendo e nada de melhorar aí aprendi a colocar a TV como som de fundo, assim ele não acordava tão facilmente. Ajudou muito! Como ele ainda era pequeno não tinha problemas porque ele não ia assistir. Aí foi crescendo mais e mais e passei a perceber o interesse maior pela tv, então era hora de mudar. Passei a fechar tudo em casa, tudo mesmo! Diminuía o som mas ainda assim ele acordava com barulhos de vozes de vizinhos, de crianças brincando em frente casa ou dos carros super barulhendo que resolviam parar aqui bem na hora que ele estava dormindo.

O jeito era cantar. Cantava, cantava pra ele aí ele dormia mas eu não podia sair do lado dele porque se ele acordasse assustado eu ao menos estava ali para garantir a ele que não precisava ter medo, que ele estava seguro. E foi funcionando. Com isso ele tem muita necessidade de estar junto de mim quando está dormindo.

Agora bem maiorzinho ainda continua, um pouco menos sensível a barulhos mas continua. Ele tem pavor de aviões. Acho que mudou a rota dos aviões aqui na cidade e passam o dia todo por aqui e fazem bastante barulho principalmente quando passam mais baixinho. O medo dele é muito grande dos aviões, ele sai correndo, chora, fica até tremendo se eu não estou por perto.

Fora esse medo dos barulhos, ele não entra em 1 cômodo da casa sem eu estar junto. Se entra é muito rápido pra pegar alguma coisa e sai correndo.

Ele é super confiante em muitas coisas, mas estas não sei o por que dele ser assim. Ja levei pra benzer, rezei muito, ja mostrei que não é nada e nada adiantou...

Alguém aí tem um pitaquinho bom pra me dar?

Beijos

quinta-feira, 12 de abril de 2012

26 meses



Sempre fui mega apaixonada pelo meu filho. Babona, melosa até demais! Agora com suas gracinhas e com tudo que vem aprendendo então... nossa, quase morro várias vezes ao dia.

Arthur aprendeu a contar até 10. Aprendeu meio que espontaneamente, nunca fiquei ensinando isso mas ele aprendeu. Eu contava normalmente até 3 ou até 5 mas ele quis aprender até 10, o que eu posso fazer?

Reconhece praticamente todas as cores (salvo alguns enganos, o que é normal), As letras A B C ele aprendeu direitinho, onde ele vê as letras ele diz: "mamãe, A de Aitui, B de boua e C de cauo" sim, ele fala super enroladinho ainda mas ta soltando.

Sei que não é hora de alfabetizar ele, eu mesmo sou contra a alfabetização precoce, mas isso está sendo tudo muito natural. No meio de alguma brincadeira nossa acabo ensinando e ele pega super rápido.

Além disso ele esta querendo ser cada vez mais independente. Tem uma cadeirinha, dessas que vem blocos dentro. Ele carrega pela casa inteira e sobe para poder alcançar as coisas. Ensinei a ele 1 vez isso e ele percebeu que é muito mais legal fazer as coisas sozinhos do que esperar por mim. Se ele está com sede, por exemplo, ele pega a cadeira sobe, enche o copo de água e toma, sem nem falar nada pra mim, posso com isso? Faz xixi sozinho, como já mencionei. Cocô eu tenho que levá-lo mas ele desce sozinho e se demoro é perigoso ele querer se limpar sozinho também.

Come sozinho e direitinho! Semprei deixei ele tentar, desde novinho. Claro que não todas as vezes porque a bagunça é grande. Mas quando a cozinha já estava precisando de uma boa limpeza eu deixava e foi aí que ele foi aprendendo. De uns dias pra cá ele nem quer que eu dê a comida pra ele, o que é até bom, enquanto ele come sozinho eu lavo louça, ou almoço junto.

Tem mais várias coisinhas pequenas que dariam um post enorme aqui. Citei algumas só pra deixar registrado o desenvolvimento do filhote aqui :-)

Úlima consulta ele estava com 14,200kg (porque deu uma emagrecidiha) e com 94,5cm (e não com mais de 1 metro como eu pensei rs)

Te amo muito filho!!

terça-feira, 10 de abril de 2012

Brinquedo feito em casa

Ontem estávamos nós dois aqui sem fazer nada, lembrei que tinha uns papelões para serem jogados fora e resolvi pegá-los pra gente desenhar neles.

Arthur pintava e eu desenhava, resolvi desenhar um carrinho, depois que desenhei o carrinho, resolvi cortar, depois que cortei resolvi fazer as rodas separadas do carro, olhei, estava sem graça e resolvi cortar a janela do carro, ia colar as rodas mas aí elas iam ficar simplesmente coladas. Resolvi pegar linha, agulha e um botão e "costurei" a roda, assim ela gira. Ohei, ainda estava faltando algo, resolvi pegar uma fotinho dele e colocar na janela. E não é que ficou legal!




Claro que da pra caprichar bem mais! Já estou com várias idéias agora, fazer foguete, trem, pra meninas da pra fazer casinha com a foto na janela... Vou tentar fazer com papel cartão que fica bem bonito e colorido. E sabe o melhor? Ele nem lembrou dos outros brinquedos ontem, brincou com esse carrinho e com a sua inseparável bola, só!

E além de brincar ele faz parte em fazer o brinquedo. Observa como eu faço, pinta, quer fazer tudo, mas por enquanto ele só fica com a parte de pintar e brincar! ;-)

Adorei nossa nova atividade!

Beijos


segunda-feira, 9 de abril de 2012

11 questões

A Dayane do Mamma Mia deixou aberta esta brincadeirinha la no blog e eu resolvi participar.

1. Escrever 11 coisas aleatórias sobre mim:

1 - Sou extremamente carente
2 - Pode não parecer, mas também sou muito tímida
3 - Aprendi a gostar de cozinhar (e aprendi a cozinhar também)
4 - Não sei ficar agradando ninguém para gostar de mim
5 - Adoro ficar em casa com meus amores sem fazer nada
6 - Também adoro sair e papear com os amigos
7 - Estou tentando lembrar como se faz outro filho :-)
8 - Ainda não superei a perda de minha mãe
9 - Vivo tentando fazer regime mas não tenho conseguido
10 - Me cobro demais para dar conta de tudo
11 - Adoro crianças. A minha, a dos outros, amo crianças!

2. Responder as 11 questões

1 - Qual foi a maior mudança que a maternidade causou na sua vida?
R - Me ver uma dona de casa, coisa que nunca imaginei que eu fosse ser

2 - Quantos filhos quer ter?
R - 2 ou 3

3 - O que mais dá saudade da vida antes de ter filho?
R - Sair pra dançar, mas é uma saudade bem pequenininha, nem tenho tanta assim

4 - Qual é gracinha mais fofa que o filhote faz?
R - Nossa, tenho que escolher só 1? Acho que a que acho mais linda é ele dizer que me ama MUUUUIIIIITO

5 -  É uma mãe tranquila ou neurótica?
R - Super tranquila

6 - Tem animal de estimação?
R - Tinha, não tenho mais :-(

7 - Tinha preferência por menino ou menina?
R - Agora posso confessar que tinha por menino, não tinha coragem de dizer. Mas agora JURO que não tenho mais não.

8 - Quanto tempo durou sua gestação?
R - 40 semanas exatas

9 - Quanto tempo você amamentou?
R - 1 ano e alguns dias mas teria amamentado até hoje se não fosse as noites extremamente cansativas

10 - Qual foi a fase mais difícil da maternidade até agora?
R - Além das noites nada dormidas também foi a vida solitária de mãe e dona de casa

11 - Qual foi a melhor fase?
R - Não consigo escolher uma melhor fase, todas foram boas, deliciosas claro que com todos seus perrengues.


3. Formular 11 questões para quem eu desafiar

1 - Qual a opção de parto do próximo filho ou qual seria se fosse ter um próximo filho?
2 - Quanto tempo seu filho assiste TV por dia?
3 - Quanto tempo você se dedica a não fazer nada além de passar um tempo com seu filho?
4 - Qual/quais atividades prazerosas que vocês fazem juntos?
5 - Qual a pior coisa que já fez em relação ao seu filho?
6 - O que gosta de fazer nos finais de semana?
7 - Com quantos anos seu filho foi/vai à escola?
8 - Qual foi a maior dificuldade que você enfrentou na maternidade?
9 - O que você mudaria nas escolhas de criação do seu filho hoje?
10 - Você sai sozinha, sem filhos e marido?
11 - O que gostaria de mudar na sua vida hoje?

4. Desafiar 11 pessoas e deixar o link de quem desafiou

Também vou deixar aberto, quem quiser participar fique à vontade, depois deixe um comentário pra mim pra eu poder saber mais sobre vocês. Vamos participar para nos conhecermos melhor?



quinta-feira, 5 de abril de 2012

Filho doente + TV + páscoa

Eis que ontem do nada Arthur começa a ficar com febre. Primeiro uma febrinha, depois foi esquentando, esquentando e quando vi ja estava com quase 40° de febre... de cortar o coração de qualquer mãe olhar o filho amoado, sem apetite, sem vontade de nada. Quando estava com febrão mediquei, essa febre insistente não quis baixar, o que uma criança com febre faz? Nada! Não brinca, não come, não faz nada, aí que entra a nossa não tão amiga TV. Assitimos por horas, ele querendo colo o tempo todo e assim não pude fazer mais nada a não ser ficar com ele. Nesse caso, de assistir TV por muito tempo opto pela tv cultura, gosto da programação e o melhor é que não tem comerciais apelativos. Até que a frebre dele baixou um pouco, foi para 37,5° aí ele voltou a parecer o mesmo com toda sua energia. Fomos brincar na rua, brincou com as crianças vizinhas mas não demorou muito e o febrão voltou. Mediquei e mais TV, dessa vez um dos filminhos que ele gosta. Ontem fomos de Sherek. Esperei um tempo fui ver novamente e ainda estava 37,8° dei um banho aí sim baixou bem. Jantou, não quis tomar leite e dormiu às 8 da noite. Acordou umas 9:30 queimando de febre de novo, nessa altura ja tinha ligado pro médico contando que havia dado 2 tipos de antitermicos pra ele e nenhum dos dois estava baixando a febre. Ele passou por telefone outro e quando Arthur acordou dei o medicamento. Não passou muito tempo Arthur vomitou tudo, janta, remédio, tudo. O pai deu banho enquanto eu trocava a roupa de cama e a roupa do Arthur e depois dei o medicamento novamente. Pois ele vomitou tudo de novo... Aí ficou bonzinho, não dei mais e ele dormiu, dessa vez sem febre. Dormiu bem a noite toda, acordou bem e fomos ao médico. Por fim era a garganta infeccionada e uma ferida na língua devido à febre. Nada muito grave, graças a Deus! Antibiótico, antiinflamatório e logo ele vai ficar bonzinho.

Nesse meio tempo durante o dia a avó do Arthur veio vê-lo e trouxe um presente e um ovo de páscoa. Claro que adorei ela ter presenteado ele, mas não queria que dessem ovos pra ele... não comprei, não vou comprar e quem sabe no ano que vem se ele entender um pouco o que é a páscoa faço algo especial pra ele, algo com significado, não somente o dia de ganhar ovos. Não gosto que ele coma chocolate, todos sabem disso. E um ovo por mais que seja pequeno já é muito pra ele. Mas tudo bem, sem problemas ele comeu um pedacinho bem pequenininho e pronto, pegou o brinquedo de dentro e se satisfez! rs Gostaria de dar mais sentido à essas datas especiais pra ele do que eu tive. Pra mim sempre foi natal dia de ganhar muitos presentes, o melhor presente e a páscoa dia de ganhar muitos ovos, os maiores ovos. Gostaria de verdade que ele tivesse outra visão disso tudo, será mais uma ilusão minha?

Vamos visitar o vovô no Paraná e com certeza vai ter mais doces por lá, posso usar a desculpinha que ele ta doentinho e não pode comer doce, não posso? rs De qualquer maneira só queremos o melhor para nosso filho, não vamos conseguir mudar o mundo, né?!

Uma ótima páscoa a vocês!

Beijos

terça-feira, 3 de abril de 2012

Fim de semana

Que delícia que foi nosso fim de semana! Íamos para o Paraná na casa do meu pai mas devido a uma fote gripe do maridón ficamos por aqui mesmo. E foi muuito bom!

No sábado ficamos de boa em casa e no final da tarde recebemos visitas queridíssimas!! A Ana, que algumas conhecem do blog Sou Mãe Pra Valer, com sua linda Sofia e maridão vieram bater uma papo gostoso com a gente. E como foi bom, né Ana? Papeamos um montão, os maridos também e as crianças se dando bem como nunca! Delícia!!! Ana e eu já eramos amigas antes devido aos maridos se conhecerem em um trabalho que tinham em comum. Agora somos amigas, mães e blogueiras. Quanta coisa boa em comum!







Não são lindos esses dois?? Ficaram tão fofos juntos que nem lembramos de tirar fotos nossas e muito menos dos maridos...rs

No domingo fomos comemorar o aniversário de um amigo em um camping aqui perto, foi muito bom! Arthur se divertiu muito!







E ainda no domingo à noite fomos ao aniversário de uma amiguinha do Arthur que foi em um buffet aqui na cidade mesmo. Arthur além do galo na testa garantiu muita diversão!

Fim de semana agitado e muito bom!



sexta-feira, 30 de março de 2012

Aluno aplicado



Faz um tempinho que comecei a praticar mais ou menos as mesmas atividades que fazem na escola. Ja contei sobre as brincadeiras que fazemos aqui (ainda continuamos!), jogamos bola, basquete, boliche, fazemos uma bagunçona aqui e depois ele (sim, ele!) arruma tudo!

Percebi que precisava fazer um pouco mais além das brincadeiras. Ensinei as cores de uma maneira divertida, mesmo ele ja tendo aprendido ainda sempre pergunto e ele responde direitinho.

Quando desenhamos começo a escrever o nome dele, que ele ja reconhece, o A B C ele ja sabe, ensinei a ele que A é de Arthur, B é de bola e C de carro. Ele aprendeu direitinho! Aprendeu os números 1, 2 e 3 e em baixo dos números coloco risquinhos representando a quantidade que cada número significa. Aprendeu também as formas de círculo (que ele chama de bola), quadrado e triângulo.

To adorando eu mesma ensinar essas coisinhas pra ele, vejam bem, não sou pedagoga nem nada, não tenho nem idéia do que se passa realmente num dia inteiro de escola só tenho um pouquinho de força de vontade e acredito que ele possa aprender sem mesmo frequentar uma escola, só depende de mim.

Se alguém aí também fizer isso e tiver algumas dicas, to aceitando!!! :-)

Beijos

quinta-feira, 29 de março de 2012

Imitando os animais




Reparem que o sapo e o pé estão na mesma frase, o boi tem a cara preta, a vaca ainda faz mãããããeeee e ele adotou a minha teoria (e a do Nando Reis) de que quando a gente não sabe, inventa!

quarta-feira, 28 de março de 2012

Bebê ou criança?

A cada dia que passa sinto mais saudades do meu bebê. Arthur já é uma criança, cade as bebezices??? Ainnn morro de saudades...

A gente reclama, reclama e reclama quando são bebês que dão muito trabalho, que a gente não tem tempo pra nada, não conseguimos nos arrumar direito e tudo mais. Mas quando crescem e a gente começa a se dar conta disso, queremos voltar no tempo ou ao menos parar o tempo (tem como, God?).

Até o maridão quando se dá conta às vezes fica se lamentando pelo bebê dele que cresceu e agora está tudo diferente. Vá entender os pais... quando são pequenos reclamamos de tudo, eles crescem continuamos reclamando de tudo e queremos voltar atras... Deve ser um ciclo isso, não? Os pais reclamando a vida inteira e querendo que o filho volte pro colinho.

olha isso, não é pra morrer de saudades mesmo? #gostosurapura!

E o que da mais trabalho? Bebê ou criança no auge dos seus 2 anos?

Um bebê:

Só chora, só quer peito e mais peito, só quer colo, colo e mais colo, quando começam a comer a gente não sai da cozinha aí o bebê chora mais um pouco porque você ja não tem muito tempo pra dar colo, e quando começa a engatinhar então?? Segura esse bebê!!! São gavetas esvaziadas o tempo todo, o chão você nem precisa limpar mais porque o bebê-aspirador já passou por ali. Não pode tirar os olhos 1 minuto sequer porque senão prende o dedo na gaveta, cai da cama, cai do sofá, pega o que não pode e por aí vai. Além de ficar no seu pé o tempo inteiro chorando e pedindo colo e você atolada de coisas pra fazer... E ainda tinha noites e noites nada dormidas ao longo desse tempo...Ui! Cansei só de lembrar!

Uma criança de 2 anos:

Fala NÃO pra você o tempo todo, você tem que ter muuuuuita criatividade pra encarar essas ferinhas, jogam coisas para todo canto, não te obedece, te enfrenta principalmente quando você está fora de casa, é um gravadorzinho ainda mais para aquelas palavrinhas ouvidas poucas vezes, briga pra comer, briga pra vestir, briga pra tomar banho, briga porque quer o que não pode, briga por tudo. (Olá terrible two! Você não é bem vindo aqui não, viu?)

Mas e os prós?

Ahhh... quem resiste a fofice de um bebê, com seu anguuuu pra la e pra cá o tempo todo? Você tem total controle sobre ele, leva pra onde quer na hora que quer e ele não vai reclamar, no máximo vai chorar o que um colinho e um peito resolve tudo. E as risadonas??? Ahh que tudo! Uma criança de 2 anos perde longe pra fofice de um bebê de poucos meses.

Já a criança... um bebê não chega aos pés das gracinhas que a criança faz, das palavrinhas erradas que ela diz, das dancinhas, das caretas, da curiosidade e vontade de aprender tudo, de como já gostam de interagir e brincar com outras crianças, de como já são independentes pra você se dar conta de "Meu Deus, cadê meu bebê?". Uma criança traz vida e alegria pra casa, tudo é festa, tudo é brincadeira!



Nada como poder acompanhar as fases dos filhos e sempre morrer de saudades!

terça-feira, 27 de março de 2012

Super poderosa!




Estive pensando em meus feitos como mãe e sabe o que me dei conta? Tenho super poderes!! É isso mesmo, poderes dos bons ainda! Vejam só:

Super poder em fazer um filho lindo de morrer (eu acho ele um gato, tá?)

Super poder em ir do céu ao inferno em segundos (e vice-versa)

Super poder em ser multitarefa, fazer várias coisas ao mesmo tempo. Tipo fazer várias comidinhas ao mesmo tempo, dar atenção ao filhote, ficar de olho nele, correr limpar o chão que ele sujou e ainda não deixar queimar a comida!

Super poder em comer chocolate escondida

Super poder em fazer brincadeirinhas para mandar o tédio pra beeeeeem longe

Super poder em inventar coisas malucas jamais vistas antes

Super poder em arrancar a gargalhada mais linda do mundo dele

Super poder em carregar o filho + sacolas + bolsa + o que for preciso

Super poder em entender a tagarelice do Arthur que ainda é super enrolada

Super poder em convencê-lo de qualquer coisa (nem que for na marra!)

Super poder em contar até 1000 para não brigar

Super poder em fazê-lo me dar muitos beijinhos quando ele sabe que estou brava

Super poder até em fazê-lo enxugar minhas lágrimas quando estou deprê

Super poder em fazê-lo pedir desculpas, dizer obrigado, da licença e outras palavrinhas mágicas

Super poder em dar o colinho mais gostoso quando ele está triste

Super poder em curar qualquer dodóizinho dele com um simples beijo

Super poder em brigar, brigar e brigar com ele e ainda assim ver que ele continua me amando cada dia mais

Também tenho o super poder em conseguir amá-lo mais e mais a cada dia que passa.


Ai como eu amo ser uma mãe-maravilha! =)


segunda-feira, 26 de março de 2012

DESconectados

Não, aqui não aconteceu nada como eu esperava. Tivemos uma boa conversa mas sem muito entendimento de ambas as partes.

Pelo menos, o que estou tentando aqui é fazer Arthur dormir no quarto sozinho, está melhorando. No sábado dormiu às 21hrs e de madrugada ele foi quietinho para meu quarto. No domingo o mesmo, dormiu às 20hrs e de madrugada também foi para meu quarto, sem choro. Nisso estou vendo progressos, ele não está se assustando mais e acredito que ele vai acabar se acostumando de vez com seu quartinho.



Mas foi um fim de semana bem gostoso. Churrasquinho com os familiares do papai no sábado, domingo de manhã foi dia de plantar árvores e a tarde fomos almoçar com alguns amigos para comemorar o aniversário de uma amiga. Esticamos a tarde com um bom papo com amigos e muita diversão para Arthur. Como é bom ter amigos!

Arthur não se alimentou direito nem no sábado, nem no domingo. Mas decidi não encanar pois era fim de semana. E quem não pode se deixar levar a umas extravagâncias no fim de semana?? rs



sábado, 24 de março de 2012

Da mudança quando o papai está perto²

Lindonas, super obrigada pelos comentários. Me ajudou bastante! Bem no fundinho eu já sabia a resposta mas não sabia nem por onde começar, não sabia como ter uma conversa franca com o maridão sem boicotá-lo de super pai. Eu quero que eles continuem bem ligados como são mas quero que Arthur entenda que o papai também vai repreendê-lo e chamar sua atenção. Eu entendo perfeitamente quando ele diz que passa pouco tempo com o filho e quando fica junto não quer brigar. Mas o não querer brigar não significa virar a casa da mãe Joana aqui. Sou um tanto permissiva mas tenho a obrigação de impor limites ao meu filho, não só eu, o pai também.

Ontem falei pouco com o maridão mas ele pôde perceber sem muitas palavras que é importante e um tanto trabalhoso tudo o que faço para o filhote.

Ontem Arthur novamente dormiu às 20hrs, para a noooooosssssa alegria!!!!! Maridão chegou, tomou banho e foi jantar. Com nossa conversa o pequeno acordou de novo por volta das 22hrs. Aí pronto. Choro e mais choro, nada de querer deitar, inventa mil desculpas para sair do quarto, é xixi, é cocô, é água, é tudo para fazer a gente sair do quarto com ele. Eu fui ficando de saco cheio, marido também. Ele disse que estava cansado e não queria chegar em casa e aguentar aquilo ainda. Conversei um pouco com ele e mostrei meu ponto de vista, expliquei pra ele que sozinha é muito mais fácil eu fazer certas mudanças com Arthur do que com ele, o que não deveria ser. Conversamos mais um pouco e ele conseguiu me convencer (disse que eu estava neura demais e que deveria relaxar um pouco =S) a irmos para o nosso quarto, todos juntos. Arthur espertinho foi correndo ligar a tv e por sorte deles estava passando Procurando Nemo, Arthurzinho logo se interessou no filme e assistimos. O filme acabou quase meia-noite, desligamos a tv e... Arthur abre o berrero novamente. Mostrei para o marido que podia ser 20, 22 ou meia-noite que ele ía chorar da mesma maneira, o que ele está acostumando é o pai deixar ele fazer o que quer, e isso não é nada legal pra ninguém aqui.

Marido concordou e disse hoje seguir à risca minha rotina. Vamos ver porque fim de semana já viu, né? rs

Bjocas pra vcs e um lindo fim de semana!

sexta-feira, 23 de março de 2012

Da mudança quando o papai está perto

Essa história de dormir sozinho ta indo bem má o meno aqui. Na verdade ta indo até melhor do que eu esperava, mas a gente não quer melhor, quer perfeito, né? Meu moço nunca deu trabalho pra tirar os vícios que eu botei nele, por que ia dar agora?

Pois bem, criei todo um ritualzinho pra gente ir pra caminha dele, ou melhor, colchão. Tomamos banho por volta das 18hrs, por volta das 19hrs é janta, umas 19:30hrs toma o leitinho, depois escovo os dentinhos dele e finalmente deitamos. Eu deito com ele e tem 3 dias que ele dorme às 20hrs em ponto. Maravilha! Sempre gostei que ele dormisse cedo, assim tenho um tempinho pra mim e pro marido. Esse negócio de ser mãe da hora que acorda até a hora de dormir é meio brabo pra mim.

E tem dado certo. Arthur da umas acordadas me querendo, deito com ele aí volta a dormir. Na primeira noite contei que ele foi diretão até umas 4 da manhã. Na segunda ele acordou, deitei com ele e acabei dormindo junto, quando vi ja tinha amanhecido, eram 6 da manhã, ou seja, hora de levantar! Essa última noite meu anjo dormiu às 20hrs e o pai chegou eram quase 22hrs. Arthur acabou acordando com a nossa conversa, viu que o pai estava aqui e não queria saber de dormir mais. O pai tirou do quarto, pai ficou conversando e ele claro só queria brincar. Fiquei bem feliz, né? Da pra imaginar minha felicidade? Tipo, todo o trabalho que to tendo para fazer ele me obedecer e ficar deitadinho sem se levantar até dormir chega o pai e acaba com tudo! Ta, não que seja a culpa do pai, ele é ótimo e tem o maior jeito com o pequeno. O pequeno é que muda quando o pai está presente, ele não me obedece e até quer bater de frente comigo. Coisa que quando estamos só nós dois não acontece, ele me obedece muito!

Até deixei os dois sozinhos pra ver como iam se virar pra dormir mas não teve jeito, tive que deitar junto para ele poder ficar quieto e dormir. Chorou alguns minutos, depois foi ficando quieto e dormiu. Esse choro dele não ligo muito não. Aquele choro da Super Nanny que deixa a criança sozinha e solitária sim tenho pena, mas este não, eu estava bem do lado dele, ele estava tocando em mim e ainda chorando? Aí não dou muita bola mesmo, tanto que uns 2 minutos depois, ou no máximo 5 minutos ele para com o chororô. Depois que ele dormiu fomos pra nossa cama e deu tudo certo. Arthur acordou umas 5:30hrs da manhã querendo ir ao banheiro e depois quis tomar leite, tomou e voltou a dormir até umas 7hrs mas aí na nossa cama.

Isso o que aconteceu ontem foi só um exemplo de como ele muda quando o pai está por perto. O pai chega, ele quer brincar, nós queremos conversar e ele quer chamar ainda mais atenção do que já damos pra ele. Fica chorão, manhoso e birrento, coisa que ele não é. Não me obedece, ele muda muito quando o pai está aqui.

Eu fico me achando uma megera. Parece que eu só sirvo pra dar ordens e o pai pra brincar, não queria ter essa imagem. Eu sei que isso não vai fazer meu filho me amar menos mas é chato eu ficar com essa parte, da pra entender?

Quando eu preciso sair e ficam só os dois, nunca acontece nada no horário certo, ele não come no horário, não dorme no horário (tem dia que nem dorme) e eu não gosto muito disso. Não gosto da idéia da criança fazer o que quer, comer o que quer, parece que falta limites. Acho que a criança tem que ter uma rotina pra ela mesma não ficar perdida.

Será que eu sou chata demais? Sinto às vezes que falta o pai e eu falarmos a mesma língua. Como lidar? Como fazer com que ele respeite os dois da mesma maneira esteja onde estiver e com quem estiver?

quinta-feira, 22 de março de 2012

Quando a gente não sabe...

... Inventa!


Quando estamos nós dois aqui ja sem criatividadde e quer bater aquele tédio, qualquer coisa que vier é lucro!



Um banho bem gostoso e relaxante...


Uma graça inventada na hora...
(o papai diz que a mamãe é maluca, estou começando a acreditar!)



Uma comidinha que ele nunca havia experimentado...


Ou uma sessão de fotos caseira pra registrar nossos momentos.



Coisinhas tão simples e que fazem o nosso dia a dia muito mais gostoso!

quarta-feira, 21 de março de 2012

Sobre o fim do desfralde e dormir sozinho

Eu nunca mais falei sobre o desfralde, né? Aqui quem acompanhou percebeu que foi muito tranquilo, muito mesmo, viu?

Eu tinha abandonado até a fralda noturna de vez, mas aí aconteceu umas 3 noites seguidas dele fazer xixi na cama. Voltei com a fralda noturna (isso no início de dezembro ainda). Ficamos desde o dia 28 de dezembro até o dia 6 de fevereiro fora de casa, e nisso eu ainda colocando fralda no Arthur pra dormir mas sempre acordava sequinha. Só pra vocês terem uma idéia eu levei umas 10 ou 12 fraldas para todos esses dias e acabou sobrando fraldas ainda! Acabava jogando fora por acabar o adesivo que fixa a fralda aí trocava por outra, mas sempre as fraldas estavam sequinhas. No meio da noite ele me pedia pra fazer xixi, eu tirava a fralda e o levava. Ele fazia e voltava a dormir aí eu colocava a fralda de novo, tinha noites que nem colocava mais.

Só continuei usando a fralda nesse tempo por estar fora de casa, seria bem desagradável molhar um colchão que não é meu, mesmo na casa do meu pai eu não ia achar legal. Aí cheguei em casa e nunca mais ele viu uma fralda na sua frente, e nunca mais fez xixi na cama também! Ele na maioria das noites acorda e pede pra fazer xixi, levo ele faz e volta a dormir. Assim, simples de tudo! Ca-laro que tem dias que ele acorda chorando, e esses dias eu sei que ele já está hiper apertado, tenho que levantar meio "capengando" e o levar rapidinho senão da uma escapadela mesmo. No mais super tranquilo.

Ah, e ainda ele faz xixi sozinho ja! Ele é alto para a idade então ja alcança pra fazer xixizinho em pé no vaso. Ele vai, levanta a tampa e o assento, abaixa a roupa e a cuequinha, segura o pipizinho e faz! Coisa mais linda desse mundo!! hahahaha (só mãe mesmo pra se derreter com um xixi no vaso, né?) Agora so falta ele acordar no meio da noite e fazer sozinho também. Será que é querer demais?? hehe

Por falar em noite, eu nem acreditei no que aconteceu ontem... Tive que buscar o maridão no trabalho, ele sai tarde, fui ja eram mais de 20:00hrs - Arthur dorme entre 20:00 e 20:30hrs - imaginei que ele fosse dormir mesmo no caminho. Pois bem, ele dormiu no carro, chegamos e eu o coloquei no colchão dele, ele deu uma acordadinha e me abraçou bem forte. Fiquei abraçada com ele por poucos minutos e ele adormeceu profundamente. O deixei la, estava bem e bem gostoso dormindo. Acabei dormindo tarde (coisa rara! devo ter estranhado a cama sem a cria! rs) e depois de muitas horas ele acordou e veio até a minha cama mas sem chorar, veio andando, claro que não estava feliz mas veio e não chorou. Coloquei ele na minha cama pra dormir e ali continuamos até amanhecer. Coisa linda, não? Eu perdi a noção do horário mas pra mim que deviam ser umas 4 da manhã mais ou menos. Ele deve ter acordado pra ir ao banheiro como faz toda a noite e percebeu estar sozinho... ai coisa linda minha!! Tenho certeza que logo logo ele vai estar dormindo sozinho e esparramado no seu colchão, no seu quartinho.

#emeubebêcresceu.

terça-feira, 20 de março de 2012

Quem nunca?

No começo achou tudo uma loucura, que sua vida nunca mais voltaria ao normal e que nunca mais iria conseguir fazer nada.
Ocilou em querer amamentar e não querer, pois no começo a consome demais e não é tão prazeroso quanto imaginava.
Deixou o bebêzinho de poucos meses com cocô no meio da noite por mais um tempo porque ele depois de fazer cocô adormeceu profundamente e você estava desesperada por umas horinhas (ou minutos) de sono.
Depois daquela história de você colocar o bebê no berço e ele acordar pela décima vez, você simplesmente "enfia" o bebê no carro pra dar uma volta e ele dormir. Isso sempre funciona!
Ou então ligou tv, secador, rádio ou qualquer barulho que funcionasse para o bebê dormir porque seu repertório de músicas infantis ja tinha acabado (e seus braços também!).
O pai acaba de botar o primeiro pé pra dentro de casa e você praticamente joga o filho nos braços dele para tomar aquele banho demorado ou poder comer com calma.
Disputou com o pai algumas fraldas (principalmente quando é de cocô) para ver de quem era a vez de trocar.
Lavou a louça ou fez alguma refeição balançando o carrinho com o pé.
Enrolou mais uns minutinhos no shopping ou supermercado só para ficar mais um tempinho sozinha.
Ou resolveu sair sozinha pela primeira vez e ficou ligando para o marido para saber se estava tudo ok.
Colocou o dvd farorito do filhote para poder dar umas namoradas com o papai.
Deixou o filho mexer no celular (no nosso caso ja gravamos o desenho preferido dele pra essas emergências), em um restaurante para vocês poderem comer sossegados.
Inventou que tem um bicho dentro do nariz e vai comer o dedo do filho se ele não tirar o dedo. (essa foi do pai)
Ficou cantando músicas de adultos para o filho e quando ele aprende você briga dizendo que ele não pode cantar a tal música.

Ignorou total aquela bolachinha que caiu no chão e ele continuou comendo.

Inventou uma dança maluca para chamar a atenção do bebê.

Naqueles dias de frio "esqueceu" o tempo do filho na tv porque está muito gostoso ficar na cama.

E a clássica de deixar o filho assistir tv para poder cozinhar, passar roupa au até blogar um pouquinho.

Quem nunca, ein?? rs

Beijo


segunda-feira, 19 de março de 2012

Como dormir sozinho?

Comentei em outro post que colocamos um colchão no quarto do Arthur para ver se passamos ele pra dormir no quartinho dele. Pra quem não sabe, sim, Arthur ainda dorme na cama conosco e amamos isso! Por mim ele dormiria sempre comigo, sem problema nenhum! Maridão também ama então pra gente da super certo isso. Arthur dorme no cantinho, eu no meio e marido na ponta. Dormimos muito bem, Arthur dorme fazendo carinhos em mim e me abraçando a noite toda (não é pra amar mesmo?).

Ok psicologas, podem me condenar. Elas dizem fazer mal pro filho dormir junto. Mas aqui é tão natural isso que nem ligo.

Então... no início ele não queria nem sentar no colchão. Depois foi brincando, sentando e deitando. Agora as sonecas da tarde ele deita e dorme bem (comigo, claro. Tenho que deitar com ele e depois saio). À noite ele não quer saber, pega o travesseiro dele, leva pra minha cama e deita. Não quero forçar, quero que seja natural como foi todo o processo de desnenezação dele. Chupeta, fralda, mamadeira, copo de treinamento, tudo foi super tranquilo. E quero que a cama também seja. Cheguei a colocar ele no colchão depois de dormir mas ele acorda por volta da meia-noite e vai pra minha cama chorando.



Não estou desesperada pra fazer isso, nem nada. Só acho que daqui um tempo será necessário que ele durma sozinho por isso prefiro fazer devagar.

Eu sei, teria que ter feito desde bebezico mas não fiz. Não fiz, não quis e era extremamente cansativo pra mim acordar de hora em hora levantar pegar ele e amamentar. Depois que desmamou não quis porque simplesmente era gostoso... enfim... é culpa minha, eu sei, eu sei!

Alguém passou por isso, conhece alguem ou tem qualquer dica para me ajudar?

Beijos

sexta-feira, 16 de março de 2012

Refletindo...

Sobre o post anterior, o que fazer e o que não fazer varia muito de mãe pra mãe. Eu por exemplo, queria ter feito das coisas que citei, mas ao meu ver hoje eu teria feito tudo errado. Eu acho que cama compartilhada pode sim, colinho tem que dar sim, peito a livre demanda, amor, carinho e tudo mais que tiver direito. Sobre tv, ele ama mas não é por isso que ele assista o dia todo. Assiste sim mas eu controlo o tempo. Hoje ele come algumas "porcarias" sim mas ele tem 2 aninhos ja né, ta na hora de experimentar umas delícias de vez em quanto (beeeeem de vez em quando). Ele nem gosta de sorvetes, doces etc. Dei chupeta, dei mamadeira mas não gosto. Tirei o mais rápido possível. Tenho uma certa rotina até hoje que me ajuda muito a ficar tudo mais previsível e não bagunçar meus dias.

Eu acredito que eu aprendi o meu jeito de maternar, e mergulhei fundo, bem fundo nisso! Amo de verdade. Me entrego de corpo e alma. Porque desde quando decidi ter um filho eu decidi junto que eu não ia ser mais prioridade pra mim. Eu sempre fico em terceiro plano. Primeiro meu filho, depois o marido e aí sim sou eu. Podem me chamar de antiquada ou qualquer coisa do tipo mas eu gosto de cuidar de quem eu amo, gosto de verdade, tenho prazer nisso. Hoje eu tenho prazer até em cuidar da minha casa, coisa que nunca me vi fazendo na minha vida. Gosto de ter o controle das coisas, de saber ter um lar, de saber me equilibrar entre mãe, dona de casa, esposa e mulher.

Não sei se eu tivesse um super emprego eu me sentiria realizada assim. Pode ser, não sei. Nada sei, não sei se essa minha vida vai ser assim sempre. Pode ser que eu tenha que voltar a trabalhar, pode ser que com filhos maiores eu sinta necessidade. Não sei, e quem sabe? Me contento com o que tenho, tenho tudo o que preciso. Não que eu queira ser assim pra sempre, não, quero crescer sim, prosperar sempre mas não quero que meu filho ou meus filhos sofram com isso. Por isso vamos caminhar devagar para caminhar sempre e com os pés bem firmes no chão.

Eu vivo de acordo com meus ideais, o que eu acho que é certo. Mas o que é certo pra mim pode não ser para outra pessoa. Então acredito que podemos viver com as diferenças, sempre errando e acertando e fazendo o melhor possível para nossos filhotes.

Viva a maternagem!!! :-)

quarta-feira, 14 de março de 2012

Doce ilusão

Ainda grávida eu dizia para todos: Eu terei um parto normal, não aguentei...

Arthurzinho lindo maravilhoso VAI dormir no cantinho dele, eu tinha medo de colocá-lo por 5 minutos na minha cama, foi só eu experimentar a tal cama compartilhada que viciei, estamos nessa até hoje.

Arthur não vai acostumar no colo. Ja que ele queria peito a todo momento, onde mais ele ia ficar?

Eu dormiria por muitas horas a noite e estaria sempre disposta para tudo.

Meu filho não vai comer nada industrializado, doces ou nada do tipo até bem mais de 1 ano. Rá!

Não vai assistir TV, somente em pouquíssimos momentos. Não que ele assista  dia todo hoje, mas ele ama TV!

No meu ser irdeal de mãe eu iria falar docemente com Arthur e ele, obvio, iria obedecer sem pestanejar. Aqui hoje só funciona na base da bronca.

Mais uma vez no meu ideal eu nunca iria dar um tapinha sequer no pequeno. Pois ele ja mereceu e levou sim boas palmadas.

Ele sempre seria gentil, dividiria seus brinquedos e brincaria de forma civilizada com outras crianças. Mas... todos ja sabem como é, né?

Ele comeria todos os tipos de legumes, verduras e frutas. Mas o paladar é dele, ué!

Ele sempre sentaria na cadeirinha do carro sem reclamar, muito menos quando colocasse o cinto de segurança.

Claro também que ele nunca reclamaria de nada, comeria na hora certa, tomaria banho na hora certa. Eu falaria 1 vez com ele e ele faria. Quem disse que eu sei qual é a hora certa pra ele?

Ele não gostaria de Patati Patatá, não ficaria vidradaço nesses filminhos infantis, nem nada do tipo.

Minhas paredes iam estar sempre limpas e sem nenhum risco de giz de cera ou tinta guache.

A TV, geladeira, armários e guarda-roupas também nunca iriam ter nenhum risquinho sequer.

Ele nunca me desafiaria, nunca iria contra minha vontade.

...Pois eu resolvi cair nessa aventura que é ser mãe, e vou me iludir muito ainda. Dexa eu!

#amomuitotudoisso! :-)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...