Páginas

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Personalidade?

Esse Arthur é uma figura, estou aprendendo a lidar com ele a cada dia, acho q vou aprender a vida inteira!

Ontem consegui fazer pouquíssimas coisas em casa, logo ele acordou e eu nem tentei fazer mais nada, fiquei no quarto dele pra brincarmos e passarmos a tarde bem juntinhos. Ele brincava um pouco, eu lia um pouco e passamos uma tarde gostosa, em casa mesmo. Ah, acabei comprando a cesta de basquete que queria ter dado de presente, estava em oferta depois do dia das crianças e eu não resisti, comprei. Ele gostou e fica até bravo quando não consegue acertar a cesta...rs





Até que ele é bom de mira!

Mas não foi disso que vim falar aqui.

Ele se cansa rápido das brincadeiras, é muito difícil ele ficar entretido por muito tempo com alguma coisa. Em uma das brincadeiras ele virou a caixa com pecinhas pelo quarto todo, até aí tudo bem pois depois ele sabe bem que vai guardar tudo, com a minha ajuda, mas vai. Aí ele achou uma baquetinha de uma bateria que ganhou de aniversário (esta que nem existe mais, ele destruiu) e deu na minha cabeça com aquilo. Nem doeu nem nada mas falei pra ele que ele tinha que me pedir desculpas e me dar um beijo. Quero mostrar pra ele que não pode bater nas pessoas, isso machuca. E ele nunca me recusou um beijo, nunquinha mesmo. Na hora ele olhou pra mim e falou um firme NÃO. Pasmei!!! Insisti várias e várias vezes pra ele pelo menos me dar um beijo de desculpas e todas as vezes era o NÃO como resposta. É mole??? Coloquei ele no berço, não briguei nem nada, e disse a ele que ele teria que me pedir desculpas pra sair. Primeiro ele não deu muita bola e até gostou de ficar no berço, já que nunca fica néah! Fiquei com cara de tacho mas não tirei ele. Passados 5 minutos o menino elétrico cansou de não fazer nada dentro do berço e ficou pra mim: Nem (vem), dessss (descer). Eu o pegava no colo e dizia pra me dar um beijo de desculpas e ele sempre com o NÃO firme e forte. Isso foram repetidas umas 8 ou 10 vezes mais ou menos, até que ele deve ter percebido que eu não ía ceder e finalmente me beijou.

Eu desci ele no chão, olhando nos olhos expliquei a ele que não podia bater nem na mamãe, nem em ninguém.

Acho que fiz certo, não sei. Não o torturei nem nada, não houve choro, mas ele não gostou de se sentir contrariado. Estou percebendo que a personalidade dele está começando a se mostrar, até então eu não fazia idéia de quem puxou ou qual seu temperamento.

De quem será que herdou essa personalidade toda ein?? rsrs

beijo

Um comentário:

Micha Descontrolada disse...

Boa noite, tô passando aqui pra divulgar um sorteio que Atelier Graça Veloso está realizando de um conj. de 3 peças para bebês, composto de toalha de capuz, babadouro e toalha de mão. Inscrições até o dia 26/10. Não perca!!!
http://www.atelierveloso.com/

Aguardamos sua visita e inscrição!!!
Corra logo que faltam poucos dias para o sorteio!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...